Residência Artística do Ilhéu inaugurada amanhã

Redação

É inaugurada amanhã, pelas 17h00 a Residência Artística do Ilhéu – “Lá em Cima”. Uma obra que ao abrigo do Orçamento Participativo da Região, de 2019, que resultou da requalificação e reconversão do antigo infantário do Ilhéu.

A inauguração será marcada pela exposição trabalho criativo em curso do “Coletivo Inquieto” e uma performance musical de “Post Fátima”. LÁ EM CIMA, é o nome da residência artística do Ilhéu, que é inaugurada amanhã, dia 22 de novembro pelas 17h00, com a presença do Presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque e do Presidente do Município de Câmara de Lobos, Pedro Coelho. Uma obra que resulta da proposta, da Câmara Municipal de Câmara de Lobos em parceria com o Grupo Teatro Metaphora, no âmbito do Orçamento Participativo da Região de 2019.

A obra representou um investimento total na ordem dos 395 mil euros. 345 mil ao abrigo do Orçamento participativo, que contemplou a requalificação do espaço e 50 mil do orçamento municipal, que foi canalizado para a aquisição dos equipamentos e mobiliário interior.

Segundo o Vice-presidente da autarquia, Leonel Silva, “Este é um espaço de jovens para jovens. Será o ponto de encontro para a inovação, criatividade e irreverência. Pretende-se que seja um local de confluência de diferentes formas de ver as artes e de partilha e aprendizagem”

A denominação “LÁ EM CIMA” resulta já da primeira residência artística, realizada no espaço, pelo “Coletivo Inquieto” que envolve quatro jovens artistas que desenvolveram o conceito e identidade gráfica do novo espaço a par de outros trabalhos criativos numa variedade de campos artísticos, desde o cinema, fotografia, artes plásticas e poesia.

Está é um investimento de especial relevo para a dinamização da baixa de Câmara de Lobos e do Ilhéu em particular, já que é objetivo que esta residência se torne num espaço de referência, com vista a atrair novos públicos e espaço de partilha e criação entre artistas locais, nacionais e internacionais, que contribuirão para a divulgação do Concelho, como espaço criativo por excelência.

A inauguração contará com a abertura da exposição do “Coletivo Inquieto” e uma performance musical do grupo “Post Fátima”, projeto constituído por nómadas digitais.