Conservatório comemora Dia Mundial da Música

No próximo dia 1 de outubro, pelas 18h00, o Conservatório comemora o Dia Mundial da Música com um concerto intimista, no Salão Nobre, protagonizado por quatro dos oito alunos finalistas 2020/2021 do Curso Profissional de Instrumentista.

Para este concerto foram selecionadas obras de compositores como Mendelssohn, Schumann, Hummel e Cimarosa, adaptadas para violoncelo, oboé, trompete e cordas, as quais serão interpretadas pelos alunos e acompanhadas ao piano por professores do Conservatório. A comemoração contará com a presença do secretário regional de Educação, Ciência e Tecnologia, Jorge Carvalho, estando aberto apenas à comunidade educativa. Uma reportagem fotográfica será posteriormente disponibilizada nas redes sociais, informa o Conservatório em comunicado.

"Sendo esta data coincidente com o início das atividades letivas do Conservatório, ressalva-se o facto destes alunos terem já repertório e preparação, que os capacita a dar resposta positiva ao desafio de um concerto com a simbologia do Dia Mundial da Música. Relembre-se que esta data foi instituída em 1975, pelo Conselho Internacional de Música, uma instituição fundada em 1949 pela UNESCO, que agrega vários organismos e individualidades do mundo da música, com o objetivo de promover a arte musical em todos os setores da sociedade e destacar uma área que se considera uma forma de união entre pessoas e culturas."

A mesma nota realça ainda que o Curso Profissional de Instrumentista do Conservatório tem formado muitos talentos, ao longo dos anos, que depois veem os seus esforços compensados na progressão de estudos para o ensino superior, no território nacional e europeu. A diretora de Curso, professora Cristina Pliousnina, refere, a título de exemplo, a turma finalista de 2019/2020, dizendo que esta foi uma “Turma de ouro”, que viu os seus oito alunos finalistas entrarem nas suas primeiras opções, com distinção de mérito e nota máxima, em instituições de música de Bruxelas, Antuérpia, Itália e Portugal continental. Note-se que duas alunas de piano entraram com nota máxima no Conservatório Real de Bruxelas.

Na impossibilidade de se abrir o concerto ao público, dadas as contingências determinadas pela covid-19, o conservatório destaca o mérito destes alunos que se apresentam em palco, na esperança de, em breve, poder produzir eventos em pisar palcos maiores.