No pacote

Só nos últimos 15 dias, foram 4. 4 reclusos que foram apanhados a tentar levar drogas, comprimidos e telemóveis para a cadeia! Como? Muito simples. Aproveitavam a saída precária para abastecer. Onde levavam?! No sítio do costume.

Deus queira que os saquinhos sejam de doses individuais, que tenham tirado o plástico das pastilhas e que os telefones sejam daqueles novos de dobrar. É que se a dose era como a daquele que foi apanhado em São Roque com 9 kg de Bloom, se as tabletes são de plástico cortante e o telemóvel era um como o que foi o meu primeiro (amor)... Pobre ânus. Chamavam-lhe um mimo. Por alguma razão era!

Mas também não sejamos hipócritas. O que tem a perder essa gente? Presos já estão. É só uma questão de tempo. Mais semana e meia, menos semana e meia... E pensando bem, eles não estão a roubar nada! O movimento é de fora para dentro. Cruzes credo! Agora veio-me à ideia de novo a imagem do recluso durão a "encher a bagageira". Mas escrevia eu que o "crime" não pode ser considerado roubo. Muito menos por esticão. Agressão? Também não me parece. Quanto muito violação. Bem, é melhor pararmos por aqui senão daqui a pouco estou a pedir uma indemnização para os pobres mulas. Estou feito um advogado de mão cheia, não estou? Tenho o sentimento de justiça apurado. Pronto, não gosto que condenem alguém sem que, primeiro, seja apurada a verdade.

E atire a primeira pedra quem nunca achou que vive aprisionado. Ok, os solteiros não contam. Por mim falo, mas há dias que penso que a Cancela deve ser um lugar melhor que o meu lar. "Isto são horas de chegar?" - tenho lá culpa do relógio ter pressa. "Porque é que não fizeste a cama?" - talvez porque sou o primeiro a me levantar. "Não achas que já largavas o telemóvel?" - eiiiii, calminha, e meto-o onde? No "curreio", não? Enfim...

Depois é por estas e por outras que acontece o que aconteceu… Então não é que, há tempos, a minha mulher disse-me para não marcar nada para 27 à noite? E, se há dias que eu respondo "hum hum" e depois digo que não fui informado, desta vez eu reconheço que ela disse! E que, mais importante que ela dizer, eu ouvi. Não vou agora mentir só porque sim. "Não sei se sabes, mas o Silva vai à Estalagem da Ponta do Sol", reforçou. Sem dar parte fraca, e apanhado de surpresa, comecei a pensar qual deles seria. Vieram-me logo dois à cabeça. O Cunha e o Cavaco! Valha-me Nossa Senhora... Não é que não possam ter valor. Têm-no, seguramente. Mas a gasolina não está assim tão barata que justifiquem que se vá até depois da Marina do Lugar de Baixo. Pelo sim pelo não, fui pesquisar. Afinal era o cantor brasileiro! Não queria acreditar. Era como ter-me preparado para o pior e, de repente, "fica tudo bem, fica, fica, fica tudo bem". Saiu-me a sorte grande...

Com sorte estão também os funcionários do Sesaram. Nem todos, vá. Só os "que não tenham que trabalhar com fardamento próprio" e sejam "do sexo masculino"! Concordo, atendendo à vaga de calor, com a permissão da "utilização de vestuário mais leve, nomeadamente, bermudas de tipo sarja, polos de manga curta e calçado adequado". Mas protesto veementemente contra esta discriminação de género. Acho condenável só os homens terem esse direito. As senhoras não podem levar um vestidinho curto de cetim? Sapato aberto de salto alto? Não? Porquê? A lista de espera ia aumentar? Entendo...

Pelo menos o Dr. José Luís pode continuar a levar as camisas às flores de que tanto gosta! Leva pai. Leva. Se te sentes bem, leva. Não ligues ao que os outros dizem! O importante é seres feliz.

Quem também se anda a divertir, mas não creio que por muito tempo, são 4 palhaços! Mascarados, escondem-se e assustam quem lhes aparece, em pleno Funchal. Pronto. Se não passar disso, eu ainda entendo… Quem nunca foi palerma? Só que há dias abusaram um bocadinho, segundo consta. Chegaram a perseguir, num carro preto, uma outra viatura. Pena não ter sido uma verde tropa. Não iam ganhar para o susto...

Mas, ao que parece, a PSP já está informada e no encalço dos foliões. Não deve demorar muito, portanto. Basta estes se descuidarem e, por azar, passarem ali em frente ao Banco de Portugal quando o 147966 (desculpem não saber ainda o nome do super agente) estiver de plantão. Era uma vez. Podem até ficar com a máscara, mas sem multa?! Duvido. Na pior das hipóteses ainda vão, como os outros, fazer umas "férias em Guernesey" com tudo pago e direito a bagagem. No porão, claro!