Médica agredida por duas pacientes num centro de saúde

Mãe e filha, de 74 e 43 anos, foram detidas por terem insultado uma médica e destruído aparelhos médicos, no centro de saúde de Nevogilde, no Porto.

As duas utentes estariam numa consulta médica, quando começaram a agredir verbalmente a profissional de saúde que acabou por sair do consultório para pedir ajuda.

De acordo com a PSP, as duas mulheres foram detidas e vão ser presentes a tribunal durante o dia de hoje.

Este é mais um dos casos de violência contra médicos, que têm vindo a ser cada vez mais frequentes, em Portugal. A Ordem dos Médicos alerta para o aumento destes episódios e lamenta que “este aumento exponencial da violência seja mais um sinal de que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) não está bem".