Subiu para 12 as pessoas assistidas por inalação de fumos em incêndio em Lisboa

Lusa

Passou para doze pessoas, entre as quais quatro polícias, o número de pessoas que foram hoje assistidas por inalação de fumo após um incêndio que deflagrou na madrugada num apartamento na Quinta do Loureiro, em Lisboa, segundo a PSP.

Os quatros elementos da Polícia de Segurança Pública foram assistidos no local, enquanto os restantes feridos, entre os quais quatro crianças de 16, 9 e 2 anos e duas idosas entre o 70 e 80 anos, foram transportados para o hospital.

As crianças foram para o Hospital de D. Estefânia e os adultos para S. José e S. Francisco Xavier.

Segundo os Sapadores de Bombeiros, que inicialmente referiram a existência de seis feridos, o alerta de incêndio foi feito às 06:30 tendo sido deslocados para o local sete viaturas e 22 operacionais.

O incêndio terá sido provocado por um aquecedor.