Resgatada criança de 14 anos no rio Vouga, em Águeda

Lusa

Uma menina de 14 anos que, com outra criança de 11 anos, desapareceu no rio Vouga, em Águeda, foi resgatada inconsciente da água, decorrendo neste momento manobras de reanimação, disse à Lusa o CDOS de Aveiro.

Segundo a fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Aveiro, trata-se de dois irmãos que desapareceram ao início da tarde quando tomavam banho nas águas do rio Vouga, junto à ponte de Sernada, Macinhata do Vouga, Águeda. A outra criança ainda não foi localizada.

No local encontram-se meios de quatro corporações de bombeiros, mobilizadas após o alerta dado às 14:30 pelo CDOS distrital.

Segundo disse à agência Lusa fonte dos Bombeiros Voluntários de Águeda, que têm no local sete viaturas, nas buscas participam ainda elementos dos Voluntários de Albergaria-a-Velha e de Sever do Vouga e ainda meios dos Bombeiros Novos de Aveiro.

De acordo com os bombeiros de Águeda, o local onde as crianças tomavam banho não está classificado como praia fluvial, mas é uma zona do rio Vouga que, pelas condições que apresenta, é por alguns frequentada como tal.