Familiares roubam 30 mil euros, ouro e tentam furtar casa a idosa

Uma mulher de 87 anos afirmou à PSP ter sido “vítima de furto e de abuso de confiança de cartão/caderneta de entidade bancária por parte de um familiar’, informou o site Notícias ao Minuto, citando um comunicado.

De acordo com a investigação, os suspeitos tinham já levantado 30 mil euros, vários artigos em ouro no valor de 5 mil euros e elaborado uma procuração e inscrições/anotações para passarem a habitação da idosa para o seu nome.

A PSP recuperou o ouro, salvaguardou as contas bancárias da lesada, assim como a passagem por usufruto de residência, conclui a mesma fonte.