Juíza liberta um dos maiores traficantes de droga de Portugal

O traficante português Franklim Pereira Lobo, detido em março em Espanha, no âmbito de um mandado de detenção europeu, foi posto em liberdade esta segunda-feira, por decisão da juíza Ana Peres, do Tribunal Central de Instrução Criminal, de acordo com o jornal SOL, que cita o Público.

A magistrada acredita que não há perigo de fuga daquele que é considerado um dos maiores traficantes de droga do país.

Ana Peres sublinhou ainda que o Ministério Público (MP) não conseguiu notificar Franklim Pereira Lobo acerca da acusação da Operação Aquiles porque se enganou na morada, sendo esta a justificação, aceite pela juíza, para que o arguido não se tenha apresentado à justiça no mesmo período que os restantes envolvidos, de acordo com a mesma fonte.

Fonte judicial confirmou também ao Correio da Manhã que Ana Peres considera que a acusação do MP não foi capaz de demonstrar as circunstâncias em que o suspeito terá criado uma rede de tráfico de estupefacientes.

Refira-se que Franklim Lobo tem escapado às autoridades ao longo dos últimos 20 anos e a sua história vai muito além da Operação Aquiles, que investigou as ligações entre traficantes de droga portugueses e investigadores da Polícia Judiciária (PJ).