Jovem português autista que desapareceu em Espanha já foi encontrado

O jovem Ângelo Lopes, de 18 anos, tinha sido visto pela última vez na passada sexta-feira, pelas 22h00, em Baiona, Espanha. O jovem português, que sofre de autismo, terá aproveitado a saída da mãe para ir trabalhar para fugir de casa. Foi encontrado este domingo à tarde, em Vila Franca de Xira.

O adolescente fez, segundo as autoridades espanholas, citadas pela TVI, um dos "Caminhos de Santiago", na noite da passada sexta-feira, 12 de abril. Ângelo Lopes, que se encontrava a viver com a mãe em Baiona, na Galiza, há três semanas, terá aproveitado a saída da progenitora para ir trabalhar para sair de casa e, ao que tudo indica, ir ter com o pai. Foi encontrado, este domingo, em Vila Franca de Xira, onde nasceu, depois de ter ido ao quartel de bombeiros da zona.

Uma amiga do pai viu o jovem e acabou por levá-lo ao progenitor, com o qual se encontra neste momento. O adolescente percorreu mais de 400 quilómetros e ainda não se sabe de que forma o terá feito.

De acordo com o mesmo canal de televisão, Ângelo Lopes estava "bastante debilitado" por não comer, nem tomar a medicação há quase dois dias. A mãe do jovem recebeu o alerta por parte do ex-companheiro.

Inicialmente, a família suspeitava que o adolescente teria ido a Vigo comprar uma trotinete, na qual tinha mostrado interesse.