PSP responde com tiros a ataque à pedrada na baixa de Lisboa

A PSP foi hoje atacada à pedrada no Marquês de Pombal, em Lisboa.

A notícia está a ser avançada pelo Correio da Manhã que informa que o incidente provocou o pânico numa das zonas mais movimentadas da capital portuguesa.
Fonte oficial da PSP confirmou ao CM diversas detenções e necessidade de dispersão, depois de vários tiros para dispersar manifestantes, que atiraram pedras contra viaturas civis, policiais e agentes em serviço.

No dia de hoje os moradores do Bairro da Jamaica, no Seixal, manifestaram-se junto ao Ministério da Administração Interna, em Lisboa.