Homem com 90 anos mata genro para vingar filha

Manuel Açoriano, de 90 anos, e considerado o recluso mais velho do país, foi acusado pelo Ministério Público por ter executado o genro, no ano passado, em Torres Vedras.

De acordo com o jornal Correio da Manhã, o crime teve lugar a 6 de julho e os sogros nunca perdoaram a António Veríssimo, de 60 anos, a violência doméstica exercida sobre a filha, que se suicidou.

Também o casal de idosos era agredido pela vítima e no dia em que ocorreu o crime Manuel Açoriano avisou: “Eu mato-te."

De acordo com o mesmo jornal, o sogro preparou a caçadeira enquanto António Veríssimo estava no café, sentou-se num banco à entrada de casa e esperou duas horas, até a chegada do genro, altura em que disparou. Esperou pelos militares da GNR com a caçadeira nas mãos. Detido, confessou o crime. A mulher está em estado terminal e tem também um filho doente. Agora, está a ser acusado de homicídio. Será julgado no Tribunal de Loures.