Parlamento aprova recomendações do PCP e PSD sobre pré-escolar

Lusa

A Assembleia da República aprovou hoje duas resoluções, do PCP e do PSD, sobre o ensino pré-escolar, embora a votação tenha revelado algumas divisões entre esquerda e direita.

No projeto de resolução do PSD, que recomenda ao Governo que cumpra, até ao ano letivo 2017/18, o princípio da universalidade do ensino pré-escolar para as crianças com três anos de idade, os pontos dois e quatro, relativos ao cumprimento do prazo de universalidade até 2018 e a parte sobre incentivos às autarquias, tiveram voto contra do PS, PCP, PEV, BE e PAN.

O projeto do PCP, que prevê a universalização da educação pré-escolar para todas as crianças com quatro e cinco anos e para todas as crianças com três anos de idade até ao fim da legislatura foi aprovado por maioria, com os votos contra do PSD e do CDS,

O projeto do CDS, que recomenda que até 2019 seja cumprida a universalidade da educação pré-escolar aos três anos e a obrigatoriedade aos cinco anos, teve votos contra do PS e da restante esquerda e acabou por ser chumbado.