GNR deteve 456 pessoas na última semana em todo o país

Lusa

A GNR deteve 456 pessoas em operações de combate à criminalidade e de fiscalização rodoviária realizadas na última semana em todo o país, indicou hoje a corporação.

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana adianta que 144 pessoas foram detidas por condução sob o efeito do álcool, 62 por condução sem habilitação legal, 21 por tráfico de droga, 20 por furto e 20 por posse ilegal de arma.

Segundo a GNR, as 456 detenções ocorreram entre 17 e 23 de fevereiro no âmbito das operações de combate à criminalidade e de fiscalização rodoviária realizadas em todo país.

Na última semana, a GNR apreendeu também 2.022 doses de haxixe, 163 doses de cocaína, 100 doses de heroína, 70 doses de anfetaminas, 19 plantas de cannabis, 32 selos de ‘LSD’, 48 armas de fogo, 3.144 munições de vários calibres e 22 armas brancas,

Os militares da GNR apreenderam ainda 29 veículos, 500 mil cigarros, 19.182 artigos contrafeitos e 3.529 euros em numerário.

No âmbito da fiscalização rodoviária, a GNR detetou 10.432 infrações, 2.535 das quais por excessos de velocidade, 740 relacionadas com tacógrafos, 418 por uso do telemóvel durante a condução e 413 por falta do cinto de segurança e cadeirinhas para crianças,

Aquela força de segurança registou ainda 374 infrações por falta de inspeção periódica obrigatória e 369 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei.