Pais dão 19 euros de semanada aos filhos

Em média, os pais portugueses vão dar uma semanada de 19€ aos filhos, para gastos durante as aulas. De acordo com o Observador Cetelem Regresso às Aulas, o valor baixa face ao registado em 2016 e 2015. Já os pais que estudam pretendem gastar, em média, 28€ para as necessidades educativas. Mais uma vez, o valor fica abaixo do registado em 2016 e 2015, que se encontrava acima dos 30€. Entretanto, aumenta o número de pais que pretendem poupar para a educação dos filhos.

Os pais portugueses vão baixar, ainda que residualmente, a semanada destinada a despesas dos filhos durante o período de aulas. Este ano o valor médio não ultrapassará os 19€. Nos dois anos anteriores, em média, os pais entregavam semanalmente 20€ aos seus filhos.

No caso de adultos estudantes, de acordo com o OBSERVADOR CETELEM, o valor médio semanal previsto é de 28€. Mais uma vez, os números são inferiores aos registados nos anos transactos, pois em 2015 as pretensões de gastos semanais atingiam os 34€ de média, enquanto no ano passado as previsões apontavam para 31€.

Refira-se que quase metade dos pais com filhos em idade escolar, até ao ensino secundário, poupam para a educação destes, o que representa um enorme crescimento face a 2016. Assim, 48% dos inquiridos asseguram ter uma forma de poupança destinada aos filhos, mais 18% que em 2016.

Consequentemente, os números daqueles que não têm poupança para a educação dos filhos, nem pensam ter, baixa. Se no ano passado os resultados do OBSERVADOR CETELEM indicavam um total de 48%, em 2017 apenas 30% dos pais não planeiam qualquer poupança. Refira-se que 10% dos pais portugueses não têm mas pensam ter poupança, menos 4% que o registado há um ano.