Açores: Judiciária deteve homem pela prática de homicídio na forma tentada

Redação

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de um homem, nos Açores, “pela presumível prática do crime de homicídio qualificado, na forma tentada, tendo por vítima a sua namorada com 25 anos de idade”.

“O delito ocorreu na quarta-feira, dia 5 de agosto, na residência do detido, para onde a vítima se deslocou. À chegada constatou que aquele estava, novamente, sobre forte influência de novas substâncias psicoativas, habitualmente designadas por drogas sintéticas”, lê-se na nota enviada às redação pela Judiciária.

“No desenvolvimento daquele contexto, gerou-se altercação entre os referidos intervenientes, no decorrer da qual o detido agrediu a vítima com um instrumento de natureza corto-perfurante, atingindo-lhe o tórax”, precisa-se no comunicado, no qual se acrescenta que “o nexo causal entre o ferimento produzido e o resultado morte foi interrompido pelo tempestivo socorro da vítima e encaminhamento para Unidade Hospitalar”.

Segundo a PJ, “o detido, com 29 anos de idade, desempregado, foi presente às autoridades judiciárias competentes, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.”