São cerca de 100 peças únicas de tapeçaria, parte de um espólio adquirido há dois anos pela Bordal – Bordados da Madeira, que se encontram em exposição no Parlamento Regional.

A mostra, intitulada ‘Viagem pelas Tapeçarias da Madeira’, faz parte do programa comemorativo da Festa da Flor, e remete o visitante para a essência desta arte que surgiu em 1936 pelas mãos das bordadeiras, e que guarda a tradição do património cultural madeirense.

Está patente até ao dia 27 de setembro.