Os salões Hoche, junto ao Arco do Triunfo, em Paris, encheram para receber ontem a coleção de outono/inverno, inspirada no Japão, da ‘designer’ madeirense Fátima Lopes.

Casacos feitos a partir de caxemira e lã de alpaca, mas também coordenados em seda, vestidos kimono e capas. Peças complexas de uma coleção que a estilista confessou ter sido das “mais difíceis”, devido à complexidade do trabalho de estruturação das peças.

Quanto às cores para a próxima temporada outono/inverno, Fátima Lopes apostou no vermelho, caqui, preto, azul e padrões como xadrez.