Covid-19: Alemanha regista quase 400 novos casos e 12 vítimas mortais num dia

Lusa

A Alemanha contabilizou 397 novos casos de contágio e 12 vítimas mortais devido á covid-19 nas últimas 24 horas, período em que cerca de 400 pessoas portadoras da doença foram consideradas curadas, segundo as autoridades.

Segundo o Instituto Robert Koch (RKI), desde o início da pandemia de covid-19 registaram-se na Alemanha 9.036 óbitos e 197.341 casos de contágio pelo novo coronavírus, de entre os quais 183.100 foram dados como curados.

A região da Baviera encabeça a lista com 48.953 casos e 2.607 vítimas mortais e o estado da Renânia do Norte-Vestefália é o segundo a registar o maior número de casos, 44.306. O Governo desta região, mais populosa da Alemanha, decidiu hoje estender a proibição de grandes eventos até ao dia 31 de outubro, o que incluiu, por exemplo, festas de cidades.

Uma das localidades que esteve em confinamento até ao início desta semana, Gütersloh, por causa de um surto numa fábrica de carne, continua a registar menos infeções, aproximando-se já dos valores verificados noutras zonas.

Ainda assim, na cidade de Euskirchen, também na Renânia do Norte-Vestefália, foram diagnosticadas 13 pessoas da mesma família com covid-19, estando, nesta altura, a serem realizados mais testes à população.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 539 mil mortos e infetou mais de 11,69 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.629 pessoas das 44.416 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.