Covid-19: Mais de 33 mil mortes e quase 700 mil infetados

A pandemia do novo coronavírus matou pelo menos 33.244 pessoas no mundo inteiro desde que a doença surgiu em dezembro na China, segundo um balanço da AFP às 19:00, a partir de dados oficiais.

Segundo a agência de notícias francesa, já foram diagnosticados mais de 697.750 casos de infeção pelo novo coronavírus, que provoca a doença covid-19, e a pandemia espalhou-se por 183 países ou territórios.

A AFP alerta que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do número real de infeções, já que um grande número de países está agora a testar apenas os casos que requerem atendimento hospitalar.

Entre o total de casos, pelo menos 137.900 pessoas são agora consideradas curadas.

Desde a contagem feita às 19:00 de sábado, 3.241 novas mortes e 56.973 novos casos foram registados em todo o mundo.

Os países com mais mortes nas últimas 24 horas foram a Espanha, com 838 novas mortes, a Itália (756) e os Estados Unidos (460).

A Itália, que teve a sua primeira morte ligada ao novo coronavírus no final de fevereiro, tem agora 10.779 mortes, em 97.689 casos. Só hoje foram anunciados 5.217 novos casos e 756 mortes, enquanto 13.030 pessoas são dadas como curadas pelas autoridades italianas.