Mulher com cancro é a terceira vítima mortal de coronavírus em Itália

As autoridades italianas confirmaram este domingo a terceira vítima mortal no país devido ao coronavírus.

A informação é avançada pela Reuters. Tal como as duas anteriores, esta vítima encontrava-se no norte do país, região onde se regista a maior parte dos casos de infeção.

De acordo com o La Repubblica, citado pela Sábado, trata-se de uma mulher, doente oncológica, que estava internada em Cremona, na região da Lombardia.

A primeira morte por COVID-19 em Itália foi a de uma mulher de 76 anos, encontrada morta em casa a 50 quilómetros de Milão. Um homem de 78 anos morreu com a infeção perto de Pádua. Tanto a sua esposa como a filha também foram infetadas.

Ao todo há já 150 casos detetados em Itália, 112 deles em Lombardia.