Seis mortos em incêndio num edifício de habitação em Las Vegas

Lusa

Um incêndio hoje de madrugada num prédio no centro de Las Vegas, nos Estados Unidos da América, matou pelo menos seis pessoas e fez 13 feridos.

As autoridades informaram que o incêndio começou na zona do fogão de uma habitação do primeiro andar do Alpine Motel Apartments, de três andares, tendo vários moradores saltado de janelas de andares superiores para escaparem ao fumo intenso.

Os moradores disseram que estava avariado o aquecimento do prédio, que fica a alguns quarteirões da área turística de Fremont Street, no centro de Las Vegas (estado de Nevada), pelo que usavam os fogões para aquecerem as casas.

“Todo o edifício era uma grande nuvem negra de fumo, não podia descer as escadas", disse o morador Mattews Sykes à agência de notícias Associated Press.

Os bombeiros que chegaram ao local trataram dos feridos e usaram escadas para resgatar inúmeras pessoas que se penduravam nas janelas e se preparavam para se atirarem, em quedas que poderiam ser fatais, disse o porta-voz dos bombeiros, Tim Szymanski.

Três pessoas foram encontradas mortas no apartamento onde o incêndio começou, disse o responsável dos bombeiros. No total, há pelo menos seis mortos.

Não está esclarecido se alguém morreu na sequência da queda para escapar às chamas.

Treze pessoas ficaram feridas, principalmente por inalação de fumo, mas também com fraturas, algumas em estado crítico.

O Las Vegas Review-Journal informou que uma mulher grávida de primeiro trimestre caiu depois de as suas mãos terem escorregado da corda de lençóis usada para descer do seu apartamento no terceiro andar.

Este incêndio foi possivelmente o mais mortal na área de Las Vegas desde 1980, quando 87 pessoas morreram e mais de 700 ficaram feridas num incêndio no MGM Grand Hotel.