Docente que disse que a homossexualidade "é errada" foi despedido

JM

Um professor foi despedido, numa escola dos Estados Unidos, depois de dizer aos seus alunos, durante um exercício de ação de graças, que a "homossexualidade é errada".

Tratava-se de um docente substituto de uma escola do Estado do Utah, na região oeste dos Estados Unidos, que deixou os alunos chocados com aquela afirmação depois de ter ouvido o colega dizer que estava agradecido por ter dois pais.
Segundo revelaram os pais adotivos, à ABC News, o jovem respondeu ao professor quando este lhe pediu para dizer algo por que estava agradecido.

"Estou agradecido por finalmente ter sido adotado pelos meus dois pais", ter-lhe-á respondido o rapaz, ao que se seguiu "um discurso depreciativo para com a homossexualidade" por parte do docente.

O caso foi confirmado pela escola à imprensa americana e o professor foi demitido.