Resgatados os 36 mineiros presos após explosão em mina na Alemanha

Os 36 trabalhadores presos após a explosão de hoje numa mina em Teutschethal, no leste da Alemanha, foram resgatados e estão em bom estado de saúde, anunciou a polícia local.

Dois outros trabalhadores, de 24 e 44 anos, ficaram feridos na explosão - um deles com gravidade - e encontram-se a recuperar no hospital.

Após o acidente, que ocorreu por volta das 09:00 locais (08:00 em Lisboa), os 36 mineiros procuraram abrigo numa câmara de segurança localizada a 700 metros abaixo do nível do solo, onde estavam presos.

Inicialmente, a polícia apontava para 38 pessoas presas, mas um novo balanço indicou serem 36 os trabalhadores retidos.

Os operacionais de salvamento conseguiram resgatar os trabalhadores e trazê-los à superfície após aproximadamente 90 minutos, através de um canal que se encontrava intacto.

As primeiras hipóteses apontam que a explosão poderia ter sido causada por uma mistura de gases, segundo as declarações do responsável técnico da mina aos meios de comunicação alemães.

A polícia investigará a possibilidade de o acidente ter ocorrido por negligência.