Ladrão assaltou idoso que estava a ser vítima de paragem cardíaca no Reino Unido

O caso remonta ao passado dia 15 de agosto. Enquanto um idoso sofria uma paragem cardíaca, em Great Manchester, no Reino Unido, um ladrão e levou-lhe o telemóvel, a carteira e joias.

De acordo com o site Notícias ao Minuto, Danilo Furtado, de 34 anos, admitiu ter roubado o homem, de 73 anos, que se estava a sentir mal nas escadas do metro.

A polícia de Great Manchester, citada pela BBC, afirmou que Danilo mostrou uma "completa falta de respeito pelos outros". A entidade espera que a sentença que lhe seja aplicada “mande uma mensagem clara de que este comportamento chocante não é tolerado", declarou um agente ouvido em tribunal.

De acordo com a mesma fonte, o homem "escolheu roubar vários pertences incluindo o telemóvel, a carteira e uma corrente de ouro".

Cerca de cinco minutos após a vítima entrar em paragem cardíaca, os serviços de emergência foram chamados ao local. O idoso foi levado para o hospital, mas acabou por falecer no dia seguinte.

Danilo Furtado foi condenado a 20 meses de prisão