Polícia atualiza para três feridos balanço do ataque em Westminster

Lusa

A polícia londrina atualizou hoje para três feridos o balanço do ataque perpetrado hoje de manhã em Westminster, descrito pelas autoridades como um aparente ato intencional e um possível ato de terrorismo.

Em declarações à imprensa frente à sede da Scotland Yard, o comissário Neil Basu disse que apenas um dos três feridos, uma mulher, permanece no hospital.

Nenhuma das vítimas corre risco de vida.

O primeiro balanço avançado pelas autoridades era de dois feridos.

Um homem conduziu hoje, cerca das 07:37 locais (mesma hora em Lisboa) um Ford Fiesta prateado contra as barreiras de segurança frente ao parlamento britânico, atropelando peões e ciclistas.

O condutor do automóvel, um homem de cerca de 20 anos, foi detido no local sob suspeita de ato terrorista.

Segundo o comissário, o detido, um homem de cerca de 20 anos, não está a cooperar com a polícia, que procura determinar a sua identidade.

“Não cremos que esta pessoa fosse conhecida do MI5 [serviços de informações internas britânicos] ou da polícia antiterrorista”, disse.

“Dado ter sido aparentemente de um ato intencional, o método e o local ser icónico, estamos a tratar o caso como um ato terrorista”, disse.

O comissário acrescentou que não foram identificados outros suspeitos nem há informações sobre outras ameaças à capital do Reino Unido.

O Governo britânico convocou para as 14:00 uma reunião do seu comité de emergência.