Ataque contra hotel em zona rural do Iémen provoca pelo menos 21 mortos

Pelo menos 21 pessoas morreram e outras sete ficaram feridas hoje durante um bombardeamento da coligação árabe, capitaneada pela Arábia Saudita, contra um hotel na zona rural da província iemenita de Saada, controlada pelos rebeldes hutíes.

Várias testemunhas afirmaram à agência Efe que o ataque destruiu o hotel, localizado nas imediações de um mercado popular na zona de Suhar.

Várias fontes afirmaram que todas as vítimas eram homens, não esclarecendo se eram civis ou combatentes hutíes, que desde 2010 controlam Saada, província fronteriça com a Arábia Saudita.

A coligação árabe intervém militarmente no Iémen desde março de 2015 em apoio ao governo do presidente Abdo Rabu Mansur Hadi, reconhecido internacionalmente, e contra os rebeldes hutíes, que controlam a capital, Saná, e amplas zonas do norte e oeste do país.