Pelo menos 41 mortos em incêndio em igreja copta no Egipto

Lusa

Pelo menos 41 pessoas morreram e outras 14 ficaram feridas num incêndio ocorrido hoje numa igreja no Cairo, informou a Igreja Copta.

"As fontes do Ministério da Saúde disseram que os mortos chegam a 41 até agora, enquanto os feridos são 14 pessoas", disse a Igreja Copta em comunicado publicado na sua conta oficial no Facebook.

De acordo com as primeiras investigações, o incêndio na igreja de Abu Sifine, no bairro popular de Imbaba, ocorreu, em consequência de uma falha elétrica, durante um culto religioso em homenagem a São Mercúrio de Cesareia que reuniu centenas de fiéis.

As chamas e o fumo acabaram por provocar uma debandada desordenada, segundo fontes do Ministério do Interior ao jornal egípcio Al Ahram.

De acordo com a Igreja Copta, o fogo está controlado, mas os bombeiros estão a realizar operações de arrefecimento que impedem o acesso à igreja, pelo que o número de mortos pode aumentar nas próximas horas.