Jornadas Madeira: Filipe Sousa nega impacto negativo da taxa turística

Satisfeito com o facto de o JM ter trazido este “tema tão importante” a debate nas Jornadas Madeira 2020 que se estrearam em Santa Cruz, o presidente da Câmara Municipal local respondeu a observações sobre a taxa turística, negando que esta cobrança tenha contribuindo para a diminuição do número de dormidas.

Santa Cruz perdeu dormidas em 2019, mas acompanhou a tendência verificada em toda a Região, referiu Filipe Sousa, que se arrepende de não ter implementado mais cedo.

A autarquia tem investido na promoção do concelho, no Ambiente, na Cultura, vincou, dando como exemplo o lançamento do ‘site do turismo’ que agrega na mesma plataforma toda a informação turística sobre o segundo concelho com maior capacidade de alojamento da Região, detentor de 43 unidades hoteleiras.

Falando sobre os investimentos desenvolvidos, Filipe Sousa destacou também o lançamento da Festa da Flor e a implementação da ‘nova marca Santa Cruz’, que garantiram “forte” visibilidade ao concelho.