Jornadas: Zona Franca da Madeira traz oportunidades de emprego aliciantes

Carla Ribeiro

O diretor da Zona Franca da Madeira, Filipe Manso Teixeira, é o terceiro orador das 'Jornadas Madeira 2019', iniciativa que decorre no Fórum de Machico e que se integra num evento que está a ser organizado pelo JM, estando, no terceiro concelho da Região (já percorremos Santana e Porto Santo).

Na sua intervenção neste Fórum, moderado por Miguel Silva, vice-diretor do JM e por Miguel Guarda, diretor da rádio 88.8 JM FM, Filipe Manso Teixeira referiu que há 48 empresas na Zona Franca da Madeira. Explicou a forma como as empresas exercem a sua atividade e apontou o porto de carga e comercial existente no Caniçal induzido por causa da Zona Franca e Industrial, o que é positivo. "É uma realidade que traz dinamismo económico", sublinhou.

Disse também que as 48 empresas ali existentes correspondem a uma diversificação do tecido económico do concelho. No que diz respeito ao impacto social, sublinhou as oportunidades de emprego que foram criadas. A Zona Franca Industrial "traz um contributo muito válido, ainda mais importante quando integrado no Centro Internacional de Negócios". Afirmou que é possível que existam jovens em Machico que possam integrar áreas que não integram a Zona Franca Industrial. Mas disse que há empregos também menos qualificados e a que os jovens podem se candidatar. Aos jovens presentes na plateia, deixou uma mensagem de otimismo, referindo que a Zona Franca Industrial traz oportunidades aliciantes.