Jornadas: Machico sem verbas para apoio à natalidade

Susy Lobato

O presidente da Câmara de Machico disse, há instantes, que autarquia não possui verbas suficientes que lhe permitam dar apoio à natalidade.

Ricardo Franco respondia assim a Ricardo Sousa, vereador pelo PSD, que contestou, no espaço de debate das Jornadas Madeira, o pouco investimento que tem sido feito no concelho.

Ricardo Franco vincou: “a Câmara de Machico era, em 2013, aquela que tinha o maior grau de endividamento”. Adiantou ainda que “o orçamento não estica para tudo aquilo que nos propomos apresentar na Câmara”, “nem é possível dar às famílias tudo aquilo que gostaríamos”.

Ainda assim, lembrou, “já temos redução de impostos, bolsas de estudo, entre outras medidas”. Concluiu dizendo que Machico, ao contrário de outros concelhos, regista “muito mais do que cem nascimentos por ano”, o que dificulta a aplicação da medida. “Não é por má vontade, é porque não há como avançar como essa proposta”, disse.