300 alunos competem nas Olimpíadas

Cláudia Ornelas

Terminou a espera. É hoje que o edifício da Reitoria da Universidade da Madeira (Colégio dos Jesuítas) acolhe a abertura do projeto ‘IncluEuropa’ e uma competição que envolve 300 alunos da Região. Atenção ao relógio, pois o evento tem início às 14h30. Os participantes não são universitários, mas estudam nas 17 escolas do 3.º ciclo e secundárias que concorrem à terceira edição do concurso ‘Olimpíadas da Europa’.

Aos mais distraídos, recorda-se que esta é uma Iniciativa do Gabinete da eurodeputada Liliana Rodrigues em parceria com a Secretaria Regional de Educação, através da Direção Regional de Juventude e Desporto. É por isso natural que a eurodeputada Liliana Rodrigues, o secretário regional da Educação, Jorge Carvalho, e o diretor regional de Juventude e Desporto, David Gomes, sejam presenças confirmadas.

No que toca às ‘regras do jogo’, as Olimpíadas da Europa são constituídas por três fases. A primeira decorre esta tarde e envolve todos os participantes. A competição será disputada entre três escolas, à exceção de uma das provas que será disputada entre duas, mediante sorteio presencial que terá hoje lugar.

Acrescenta o regulamento aprovado que cada prova é composta de 15 questões de resposta fechada sobre o projeto europeu, que devem ser respondidas por escrito, no espaço de 20 segundos, pelas equipas.

O objetivo do concurso é fomentar, através do convívio e competição saudável, o conhecimento e aproximação dos estudantes da Região à história, princípios e valores da Europa.

Quanto à segunda fase está agendada para o dia 13 de fevereiro de 2019 e nela participam as equipas apuradas hoje. Ainda nessa data, a final do Olimpíadas da Europa será disputada entre as duas equipas que respondam corretamente ao maior número de respostas na fase anterior.

A equipa vencedora ganha uma viagem até Bruxelas, onde irá visitar o Parlamento Europeu.