CAT: Pestana quer chegar aos 109 hotéis até 2020

Grupo quer chegar a 20 países, atingir o top 25 da Europa e o top 100 do Mundial, chegando aos sete mil colaboradores.

José Theotónio, administrador do Grupo que nasceu na Madeira em 1972, referiu, esta manhã, durante a Conferência Anual do Turismo, que a meta é chegar a 20 países, atingir o top 25 da Europa e o top 100 do Mundial, chegando aos sete mil colaboradores.

Persistência, autofinanciamento e um modelo de negócio assente na propriedade foram, referiu JoséTheotónio, as receitas do sucesso deste investidor de referência internacional.

Manuel Pestana, o visionário fundador da empresa, abriu o primeiro hotel do grupo na Madeira em novembro de 1972. Posteriormente o filho, Dionísio Pestana, expandiu a pegada da marca internacionalmente.