Jornadas Madeira: Santa Cruz tinha “apenas uma viatura de recolha seletiva” quando Filipe Sousa tomou posse

Catarina Gouveia

Filipe Sousa, líder da autarquia de Santa Cruz, lembra que aquando da sua tomada de posse, encontrou uma Câmara “com apenas uma viatura de recolha seletiva, em que o setor de recolha estava envolvido numa negociata prejudicial às finanças municipais”.

A partir dessa data, referiu o edil, “só quem não tem qualquer tipo de responsabilidade não reconhece a trajetória definida”. Hoje o ambiente “é uma questão central da nossa política”, disse Filipe Sousa.