Debate JM: Gualberto diz que a obra da Câmara se resume a remendos

Por David Spranger

Governo Regional não investe, reclama Célia Pessegueiro, Gualberto Fernandes recentemente avançou com cerca de 37,5 milhões de euros de investimento. Valor que a candidata do PS, e atual presidente da autarquia, não descortina.

Hoje, Gualberto Fernandes reitera esse investimento e especificou inclusive parte do que foi feito.

Nas críticas, diz que o PS “quando foi para a Câmara dizia que a autarquia deveria ter dinheiro para fazer a obra, agora na Câmara diz que é o Governo que tem de fazer a obra”.

De resto, o candidato do PSD/CDS diz que “a Camara apenas faz remendos”.

Célia Pessegueiro desmonta os números e continua a perguntar onde foi aplicado esse dinheiro.

“O Governo fez lá algumas intervenções”, admitiu, mas considera que o PSD “perdeu a Ponta do Sol porque tanto prometeu e nada fez. As pessoas disseram basta, esperem aí porque mão têm condições de governar a Ponta do Sol”.

Célia Pessegueiro diz que “o Governo pode fazer aquilo que lhe compete na Ponta do Sol”, reivindicando ainda alguma sobras em atraso, como a reabilitação da ER 222, e constata que “o Governo não está preocupado com as autárquicas, está preocupado com o que se vai fazer daqui a dois anos”, por altura das regionais.

“Eu só tenho de prestar contas de quatro anos, vocês têm de prestar de 40 anos”, atirou ainda.