Debate JM: Governo Regional tem de arranjar solução para o excesso de vinho

Por David Spranger

Helena Freitas pede que o Governo assegure a compra do vinho produzido em excesso, Garcês diz que isso já sucede e que apenas o preço peca por ser baixo.

Sendo São Vicente uma região vinícola, o tema foi também chamado ao debate, com Helena Freitas a defender maior intervenção do Governo e José António Garcês a pedir apenas uma atualização de preços.

“Este ano não deve haver grande prejuízo na vindima”, constata a candidata do PS, frisando que “foi um ano bom”.

Todavia, “o problema não é agora. Foi no passado porque os produtores tiveram dificuldades em escoar o excesso e o Governo regional tem de ter uma alternativa para quando há esse excesso”.

José António Garcês ripostou que “não me lembro de um ano em que não houvesse escoamento. Há sempre este burburinho, mas o escoamento está garantido”. Para o candidato do PSD/CDS, “o problema está sim ao preço das uvas, porque quando não há escoamento o Governo Regional compra, mas não ao preço desejado. É um preço muito baixo que deve ser atualizado”.