Debate JM: Quem traiu quem em São Vicente?

Por David Spranger

Helena Freitas diz que foi José António Garcês ao se refiliar no PSD, Garcês riposta que foi o PS que em 2017 optou por ir sozinho a votos depois de em 2013 o ter apoiado

O PS apoiou José António Garcês em 2013 e depois em 2017, ‘a solo’, quedou-se pelos 13% dos votos. Face a este cenário, acredita que é possível recuperar eleitorado em São Vicente? Foi a questão colocada a Helena Freitas.

“Acredito que sim, que temos essa margem de recuperação. Em 2013 o PS acreditou em Garcês e tando assim foi que ele acabou por ganhar”, disse a candidata.

Helena Freitas diz que em 2013 “as pessoas também acreditaram que ele já nada tinha a ver com o PSD e agora sentem-se traídas, porque já não é independente”.

José António Garcês ripostou de imediato que “o povo de São Vicente se calhar ficou traído foi com o PS que apoiou em 2013 e em 2017 foi com lista próprias”, garantindo que “eu sou sempre o mesmo”.