Barreto: Governo garante 4 milhões no âmbito das candidaturas ao IDE

JM

O secretário regional de Economia, Rui Barreto, disse hoje, numa visita à FN Hotelaria, que o Governo Regional inscreveu uma verba no Orçamento Suplementar “para pagar todos os processos que estavam ao abrigo do SI Funcionamento 2018, 1ª e 2ª fase do 4º concurso”. São 4,1 milhões para pagar todas as candidaturas que deram entrada ao abrigo deste sistema de incentivos do IDE.

O governante visitou a empresa, com sede no Parque Empresarial da Zona Oeste, em Câmara de Lobos, acompanhado do presidente da Madeira Parques Empresariais, Gonçalo Pimenta, e do presidente do IDE, Duarte Freitas.

Rui Barreto salientou, no momento, a importância de “estar junto das empresas, de quem investe e de quem quer criar riqueza".

"O meu objetivo é transmitir uma mensagem de confiança, de que o Governo Regional tudo fará para acompanhar as empresas e criar as condições para que prossigam a sua atividade”, afirmou Rui Barreto, lembrando que “a economia vai recuar em todo o mundo e, também, necessariamente, na Madeira”, sublinha.

Ainda no que toca a apoios ao tecido empresarial, o secretário regional anunciou uma verba de 2,5 milhões “para pagar os custos de transporte das empresas da Madeira para o Continente a cem por cento”, e revelou também que “o Governo está a preparar um plano de atratividade fiscal para o próximo Orçamento de 2021”.

A FN Hotelaria é uma empresa regional que desenvolve o seu trabalho, desde 1986, no ramo do provimento de equipamentos para hotelaria e restauração. Esta empresa distingue-se por ser a maior do setor, a nível nacional, interligando profissionais de design e engenharia. Atualmente, a FN Hotelaria dá emprego a cerca de 56 profissionais de várias áreas e está envolvida em projetos de âmbito regional, nacional e internacional.

Refira-se que a empresa não recorreu ao mecanismo lay-off, no entanto, concorreu à linha de apoio do Governo Regional, Investe RAM Covid-19, e já recebeu o montante do empréstimo.