Reunião dos trabalhadores da PT com nova presidente não adiantou muito

O Sindicato dos Trabalhadores da Portugal Telecom (STPT), que hoje esteve reunido com a nova presidente da empresa, Cláudia Goya, considerou que o encontro “não adiantou muito” na resolução dos problemas, mas salientou a abertura para o diálogo.

“Em termos objetivos, [a reunião] não adiantou muito. A engenheira Cláudia Goya não se comprometeu com nenhuma alteração de trabalhadores transmitidos a outras empresas e não clarificou como vai recolocar os trabalhadores sem funções”, disse à agência Lusa o presidente do STPT – uma das nove estruturas representativas presentes no encontro.

Ainda assim, Jorge Félix descreveu a nova presidente como “uma pessoa de consenso e diálogo”, salientando a sua “abertura” para dar resposta a estes problemas.