Conselho Económico e da Concertação Social dá parecer positivo ao PDES

Redação

O Conselho Económico e da Concertação Social da Região Autónoma da Madeira (CECS-RAM) deu, hoje, parecer favorável à proposta do Plano de Desenvolvimento Económico e Social da RAM 2030 (PDES 2030).

“O plenário, hoje reunido, entendeu por votação, emitir um parecer favorável á proposta do PDES 2030 do Governo Regional da Madeira, com votos globalmente favoráveis, registando-se apenas uma única abstenção e um único voto contra”, informou, em nota de imprensa, o órgão presidido por Ivo Correia, explicando que por competência legislativa, cabe ao Conselho Económico e da Concertação Social da Região Autónoma da Madeira pronunciar-se sobre os planos e emitir parecer sobre estes.

No âmbito desta incumbência, os conselheiros, presentes nesta reunião Plenária, emitiram algumas recomendações adicionais que serão enviadas no documento final do seu parecer ao Governo Regional, pedindo, a título de exemplo, uma maior atenção e clarificação de soluções que minimizem a dependência da Região ao transporte aéreo e marítimo e alertando para a

necessidade destas linhas estratégicas refletirem melhor as opções do Centro Internacional de Negócios, do Registo de Navios e da defesa da Região enquanto Região Ultraperiférica.

“O plenário reconhece a melhoria deste PDES comparativamente ao anterior, no entanto, considera que deveria ser constituído por um maior conjunto de medidas mais inovadoras, numa abordagem diferenciadora da Madeira, face aos efeitos COVID e no impacto que as mesmas terão na alteração das necessidades e exigências no mundo”, conclui o CECS-RAM.