Covid-19: Jogos particulares de Portugal e ‘play-offs’ do Euro2020 adiados

Lusa

Os jogos de seleções agendados para junho, incluindo três particulares de Portugal e os ‘play-offs’ de acesso à fase final do Euro2020 de futebol, foram adiados devido à pandemia de covid-19, anunciou hoje a UEFA.

Em jogos que serviriam de preparação para o próximo Europeu, o qual também foi alterado para 2021, a seleção nacional iria defrontar Eslovénia (31 de maio), Espanha (05 de junho) e Malta (09 de junho), mas as partidas foram todas adiadas, sem data marcada.

O mesmo acontece com a seleção feminina de Portugal, que tinha agendada uma deslocação ao Chipre, em 05 de junho, em encontro do Grupo E de apuramento para o Europeu de 2021.

Quanto aos ‘play-offs’ de acesso à fase final do Euro2020, inicialmente previstos para março (26 e 31), já tinham sido adiados para 04 e 09 de junho, devido à pandemia do novo coronavírus, mas essas datas ficaram agora sem efeito.

No futebol jovem, o Europeu masculino de sub-17 (maio) e o feminino de sub-19 (julho) foram cancelados, enquanto o Euro masculino de sub-19 (julho) e o feminino de sub-17 (maio) ficam, para já, adiados, por serem provas que servem também de qualificação os Mundiais das respetivas categorias.

Estas decisões foram tomadas após uma reunião da UEFA, através de teleconferência, com 55 federações que são membros do organismo regulador do futebol europeu, incluindo a Federação Portuguesa de Futebol.

Devido à pandemia, pela primeira vez uma fase final de um Europeu foi adiada e vai decorrer de 11 de junho e 11 de julho de 2021, em 12 cidades de 12 países, cerca de um ano após a data prevista.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia de covid-19, já infetou mais de 865 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 43 mil. Dos casos de infeção, pelo menos 165 mil são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, que está em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março e até às 23:59 de 02 de abril, registaram-se 187 mortes e 8.251 casos de infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde (DGS).