Madeirense Susana Lourenço no pódio em Setúbal

Disputou-se este domingo a terceira edição do Triatlo Longo de Setúbal, prova que esgotou as 800 inscrições disponiveis e que é já uma das mais participadas provas nacionais realizadas nesta distância (1900 metros de natação, 90 km de ciclismo e 21 km de corrida).

Dois atletas da ADRAP marcaram presença nesta exigente competição. A madeirense Susana Lourenço viria a ser oitava classificada a nível absoluto e terceira no seu agegroup, com o tempo final de 5h41m35s. Apesar das dificuldades iniciais sentidas no segmento de natação, devido ao intenso nevoeiro que se fez sentir no início da manhã no rio Sado, a triatleta da ADRAP viria a realizar um excelente segmento de ciclismo, recuperando muitas posições, em especial nas zonas mais sinuosas do percurso, aquando das duas passagens pela serra da Arrábida.

Com uma meia-maratona de bom nível na fase final da prova, Susana viria a terminar a cerca de 5 minutos do terceiro lugar absoluto, posição pela qual poderia ter lutado sem o excessivo tempo perdido em ambas as transições.

Filipe Belo viria a realizar uma prova totalmente dentro do previsto até ao final do ciclismo, porém um ritmo demasiado optimista no inicio da meia-maratona final fez com que pagasse com juros a ousadia, perdendo várias posições na fase final da prova. Belo concluiria em 5h13m30s, no 29 lugar do escalão 35-39 anos e na posicao 146 da geral absoluta.