"Quando conheci Ronaldo, há uns anos, ele fazia muitos shows"

O treinador do Milan elogiou Cristiano Ronaldo antes do jogo.

"Creio que o Ronaldo se converteu, nos últimos sete ou oito anos, num jogador incrível. Quando o conheci, há uns anos, ele fazia muitos shows, mas agora deixou de o fazer há algum tempo. Agora faz tudo com veemência. Ele quer marcar e dificultar a tarefa do adversário e meter a bola na baliza. Mudou nos últimos sete, oito anos. Agora é a máquina perfeita. Quanto mais envelhece, mais corre. Parece que não tem idade", disse, segundo declarações transcritas pelo jornal Sol.

O técnico sublinhou ainda o papel da Juventus no futebol italiano, sem descartar a vitória do Milan.

"Jogamos contra uma equipa que domina o futebol italiano há sete anos, têm uma estrutura definida, um núcleo duro. Mas a equipa mais forte nem sempre ganha", defendeu.

Desde 2015 que a Juventus não vence a Supertaça italiana, marcando presença na final da prova há sete anos.