Christian Eriksen: “Não me rendo. Quero entender o que se passou”

O jogador Christian Eriksen já reagiu publicamente ao colapso que sofreu em campo no último sábado.

Através do seu empresário Martin Schoots, Eriksen deixou esta segunda-feira, 14 de junho, uma mensagem pública no diário desportivo italiano “Gazzetta dello Sport”, como forma de agradecimento. “Obrigado a todos, não me rendo. Estou melhor agora, mas quero entender o que se passou. Quero agradecer a todo o mundo o que fizeram por mim. A família do Inter esteve muito perto de mim e isso emocionou-me”, disse o jogador do campeão italiano e internacional dinamarquês.

Recorde-se que o futebolista, de 29 anos, caiu inanimado no relvado nos minutos finais da primeira parte do Dinamarca-Finlândia, este sábado, 12 de junho, tendo depois sido estabilizado ainda dentro das quatro linhas e rumado depois ao hospital, onde ainda se encontra.O jogo, que foi suspenso devido ao sucedido com Eriksen, acabou por ser retomado no mesmo dia, tendo terminado com o triunfo da Finlândia por 1-0.

O dinamarquês sofreu uma paragem cardíaca durante o jogo, conforme confirmou o médico responsável da seleção da Dinamarca. “Ele esteve quase a ir-se“, comentou o clínico, reconhecendo que a causa do problema cardíaco do atleta continua envolta em mistério. Durante uma conferência de imprensa, neste domingo, Morten Boesen foi questionado sobre quão perto Eriksen poderá ter estado da morte. “Ele estava quase a ir-se… Quão perto estivemos? Não sei, conseguimos que ele voltasse após apenas uma desfribilhação, o que é bastante bom”, respondeu o médico, citado pelo Impala.