“Temos que marcar e estar organizados”

Daniel Faria

Marcar e defender bem, é a principal ‘tónica’ de Daniel Ramos para o encontro de amanhã, quinta-feira, frente ao Botev Plovdiv.

“Vamos procurar o nosso golo e tentar estar organizados. Preparamos bem a semana”, começou por referir o técnico na conferência de imprensa de antevisão do encontro.
“É o nosso primeiro jogo oficial em casa, conhecemos bem o nosso público e o nosso estádio e queremos aproveitar isso. Mas está tudo em aberto”, explicou Daniel Ramos aos jornalistas.
Relativamente ao resultado, o técnico verde-rubro admitiu que o mesmo é perigoso, querendo evitar ao máximo que o Botev marque, pois caso isso acontecesse “obrigaria a marcarmos dois golos”.
“Vamos ter pela frente uma equipa com a lição estudada, que vai procurar jogar em ataques rápidos, chatear e defender bem. Estamos cientes do que vai acontecer e preparamo-nos bem durante a semana”, referiu.
Em termos de plantel, Daniel Ramos admitiu que o Marítimo sofreu um revés, ao perder o ‘capitão’ Maurício. Quando questionado se a equipa está mais fraca sem o central, o treinador disse que “se dissesse que não estaria a mentir”.
“Era um bom jogador, um dos capitães. Temos que perceber o retorno que dá ao clube, temos que encontrar soluções e tentar colmatar as saídas”, explicou Daniel Ramos.
Em relação à fase de grupos, o treinador qualificou com “excepcional” se o mesmo acontecesse, porque “não se trata de um objetivo fácil”, pois o Marítimo perdeu muita gente como são os exemplo de Fransérgio, Dyego Sousa, Raul e mesmo assim luta pela Liga Europa. Nesse sentido, Daniel Ramos espera que o mês de agosto traga novidades, porque quer mais qualidade no plantel e "mais criatividade na frente", pois "o plantel ainda não está fechado".