Vírus ‘rouba’ ícones do Rali

Classificativas icónicas, sessão de autógrafos, redução de PECs… A covid-19 retira brilho ao Rali Vinho Madeira, mas a emoção é garantida, afirma João Paulo, navegador de Miguel Nunes, dupla que venceu o primeiro rali pós-pandemia, na Calheta. Este é o tema que faz a manchete do suplemento desportivo do JM.

Destaque também, nesta edição, para o regresso de Jorge Jesus ao Benfica. O treinador retornou aos encarnados com o desejo de devolver o “prestígio internacional” ao clube, mas rejeita ser o “salvador”. Assinou por dois anos.

Seguindo no futebol, Lito Vidigal chega ao Marítimo com metas elevadas. No dia em que foi oficializado, o treinador falou à Marítimo TV, realçando que as suas expectativas para a nova época são “elevadas”. Admitiu ainda que “sempre foi um objetivo” treinar os verde-rubros.

E no Nacional, duas sessões ‘abriram’ os treinos. Os alvinegros regressaram ontem ao trabalho no relvado e Rui Correia, em representação da equipa, diz que o grupo está pronto para a “caminhada”.

Leia mais sobre estes e outros assuntos, na edição desta terça-feira do seu JM.