Espada preta para a festa da Madeira já chegou à Venezuela

Sérgio Ferreira (Notícias da Diáspora)

Chegou ontem a Caracas primeira carga de produtos madeirenses que serão utilizados durante os eventos de proximidade com a Diáspora presididos pelo presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque.

No total, como resultado de uma parceria com o Grupo Vidinha, foram enviados para a capital venezuelana 1.220 kg de pescados e mariscos congelados, 750 kg de rolos de espada preta, 200 kg de espada preta inteira, 250 kg de lapas e 20 kg de pota.

No sábado, dia 8 de outubro, chega a Caracas uma nova carga de produtos regionais, como o bolo de mel e outros.

Os responsáveis pela receção dos produtos valorizaram o apoio da Embaixada de Portugal na Venezuela, na figura do Embaixador João Pedro Vasconcelos Fins do Lago, bem como a colaboração de todas as autoridades institucionais, aduaneiras, fiscais e militares venezuelanas, que agilizou a chegada dos produtos a Caracas.

Recorde-se que dia 13 de outubro será inaugurado o Santuário de Nossa Senhora de Fátima, em Los Teques, realizando-se depois um convívio com a comunidade local. As entradas para este evento podem ser adquiridas através da Academia do Bacalhau de Caracas (0412-2318492), a Associação Amigos de Nossa Senhora de Fátima (0414-2359632), o Grupo Parceiros (0412-2189677) e no Centro Português de Caracas.