Festa cor-de-rosa “celebra a vida” no Centro Português de Caracas

Marco António Sousa

As ‘Damas Portuguesas’ do Centro Português de Caracas realizaram ontem a 10.ª edição da “Festa Cor de Rosa”. O evento serve para lembrar o flagelo do cancro da mama que é recordado durante o mês de outubro.

A festa decorreu “respeitando todos os protocolos sanitários de segurança”.

“Com entrada limitada, os nossos sócios puderam reencontrar-se no Salão Nobre”, pode ler-se na publicação deixada há pouco nas redes sociais do Centro Português.

Para tal, “o ar condicionado da sala foi adaptado para incorporar o ar exterior no interior da sala nobre, de forma a renová-lo constantemente”.

“A noite começou com os ‘sets’ do DJ André Nunes que deu lugar ao ‘show’ que fez todos dançar e entoar as músicas mais lembradas”, pode ainda ler-se.

Para terminar a noite, a equipa do ‘Trafficdjs’ tratou da animação.