Salva de prata da CMSC fará parte do espólio da Casa da Madeira em Toronto

Marco Sousa

José Rodrigues, conselheiro da Diáspora Madeirense no Canadá foi recebido nas instalações do Município de Santa Cruz na passada quarta-feira. O presidente Filipe Sousa aproveitou a ocasião e ofereceu ao “ilustre filho de Santa Cruz”, uma salva de prata do Município.

“Um gesto de reconhecimento que abarca todos os nossos conterrâneos por esse mundo fora”, pode ler-se na publicação na página da Câmara na rede social Facebook.
José Rodrigues já traçou destino para a lembrança.
“Tinha feito um pedido para que, se fosse possível, oferecessem um galhardete do Município, para que numa próxima semana cultural madeirense na Casa da Madeira [no Canadá] fizesse uma exposição com algo que identificasse todos os Municípios da Região”.
“Assim, entregou-me a salva de prata que será para a Casa da Madeira”, assegurou.
O Conselheiro mostrou-se muito grato, conversou durante “alguns minutos” com o presidente camarário onde foi abordada a preocupante questão das Festas de Santo Amaro, festas estas que, conclui, serão forçosamente diferentes.
“Haverá uma festa religiosa, limitada, mas não tem nada a ver com o que estávamos habituados”, terminou.