Escultura de Churchill vandalizada pela segunda vez

Iolanda Chaves

A escultura de Winston Churchill, localizada junto ao hotel Pestana Churchill Bay, em Câmara de Lobos, foi alvo de vandalismo. O pincel, que a imagem segurava foi quebrado, algo que deixa o escultor da obra incrédulo.

Refira-se que esta não é a primeira vez que a obra, da autoria de Martim Velosa, é alvo de atentado.

A primeira vez aconteceu pouco tempo depois da inaguração do hotel. "Foi ao pontapé até partir e até arrancaram o cavalete que está em frente", recorda o artista adiantando que dessa vez foi descoberto o responsável.

"Aquilo é de bronze não sei como é possível", disse o escultor ao JM incrédulo com o sucedido.

A obra é propriedade do Grupo Pestana.