Bombeiros, EMIR e um indivíduo salvam a vida de um turista

Um cidadão estrangeiro sofreu, esta manhã, uma súbita paragem cardiorrespiratória (PCR), tendo o caso sido revertido devido ao trabalho de um indivíduo que estava no local, dos bombeiros e da equipa médica da EMIR.

O incidente de saúde ocorreu numa unidade hoteleira na freguesia de Ponta Delgada, em São Vicente, onde um individuo, de 70 anos, de nacionalidade inglesa, sofreu uma súbita paragem cardiorrespiratória (PCR). Para o local, foi uma equipa pré-hospitalar dos Bombeiros Voluntários de São Vicente e Porto Moniz acionada pelos próprios serviços do hotel. Depois do Suporte Básico de Vida (SBV), com auxílio do desfibrilhador Automático Externo (DAE), a equipa de bombeiros conseguiu reverter a situação grave, tendo a vítima recuperado os sinais vitais. Para o sucesso do socorro foi importante uma reanimação precoce executada por um homem que estava no local. Com a chegada da equipa médica da EMIR, o homem foi medicado em Suporte Avançado de Vida (SAV) e, depois, seguiu devidamente monitorizado ao nível médico até ao hospital, onde entrou em estado muito grave, mas com sinais de vida.